14 novembro 2014

O Silêncio

O tempo passa depressa, e quando percebemos já foi. O ponteiro do relógio não bate mais como antes e a rotação terrestre parece não ter mais utilidade. É como se o melhor de mim já não existisse mais. Me sinto fraca e exausta, e cada erro meu se torna uma oportunidade para os outros. Em um momento te dão as mãos e fazem uma promessa dizendo que vai ficar tudo bem, que faz parte da vida e que tudo voltara para o devido lugar. Mas não volta. Aqueles desfaçados de poetas e estrelas Rock logo mostram suas verdadeiras faces, e nada mais resta para uma garota além de se isolar. É como viver um infinito e triste pesadelo, onde até mesmo aqueles que conquistaram sua confiança não se importam mais. Não te ligam mais. Não são mais. Por isso suplico para que respeitem meu silencio, pois ele significa nada além de tudo aquilo que gritei e que ninguém quis ouvir. E...

3 comentários:

  1. Oiii eu amei seu blog , é a primeira vez que visito , se der passa lá no senhoritadeallstar.blogspot.com tem post novo de comprinhas do mês beijos !!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oláaa! Seja bem vinda ao meu mundinhos >-<

      Excluir

Olá, marujo! Agradeço desde já pelo seu comentário, é muito legal saber o que acham das postagens. Não se esqueça de deixar o link do seu blog para que eu possa retribuir o comentário.