21 novembro 2013

IB - The One That Got Away


Hey beliebers do Justin! Tudo bem com vocês? Novamente desculpa pela demora (isso ta ficando repetitivo kk) mas dessa vez eu tenho um motivo maior que o tempo. Bom, vocês (beliebers) sabem o que vem rolando ultimamente com o Justin, certo? Primeiro só peço para não me julgarem ou coisa do tipo (tentem me entender) mas, eu não sei exatamente o que eu estou fazendo, tipo, se devo continuar. Não é questão de "eternidade" ou "uma vez belieber para sempre belieber" não, descobri isso esses dias, é uma questão de sei lá... Esse é o problema, eu não sei. Vou direto ao ponto, eu não gosto somente das musicas de tal cantor, eu procuro gostar do cantor também (e foi isso que me fez ser belieber, pura admiração) e sabe, o Justin vem me decepcionando muito ultimamente (acho que a vocês também) e resumindo, eu estou me desinteressando, sabe? Eu não estou falando que não gosto mais dele (eu posso ainda dizer que o amo) mas é que não ta sendo fácil receber criticas e não achar bons argumentos (pois eles estão extintos, se assim posso dizer). Mas enfim, para continuar lendo clique em Leia Mais (podem falar o que acham desse meu desabafo, mas tentem me compreender).



The One That Got Away (P.S. I love you)

Milhões de pensamentos ruins passaram por minha mente, e era horrível aquela sensação. Andei em direção a casa da Mary, e da ambulância  estava nervoso mas controlado, bom... até ver a Mary sendo carregada para dentro da ambulância. Parei por um momento, um curto momento, e logo corri em direção a Mary que já se encontrava dentro da ambulância com a Katherine chorando ao seu lado, tentei entrar e pelo menos tocar na minha garota que mantinha os olhos fechados, mas fui barrado. Tudo aconteceu muito rápido  eu fiz de tudo para entrar, parecia uma verdadeira criança quando é contrariada, acho que até machuquei um daqueles que me segurava, os mesmos que conseguiram me deter, e me manter ali, longe da minha garota. Eu não sabia exatamente o que estava acontecendo, até sentir uma mão em meu ombro.
XxX: Você é o Justin?
Eu não respondi, apenas olhei serio para o cara alto que havia feito aquela pergunta patética.
XxX: Eu sou o Liam, namorado da Katherine, a irmã da Mary. Não podemos ir na ambulância  mas sei para qual hospital elas estão indo.
Justin: Me leve até lá.
Aquela pergunta zoou como uma ordem, mas o Liam nem ligou, acho que ele entendeu a minha situação e apenas me guiou até o carro, que por sinal, era bem velho. Quando percebi, eu já estava chorando, minhas mãos estavam inquietas e tudo que eu precisava era de uma explicação, por isso tentei me acalmar para então questiona-lo. 
Justin: O que aconteceu? -Minha voz estava meio tremula.
Liam: Não sei exatamente, a Katherine me ligou desesperada dizendo que havia encontrado a Mary desmaiada no banheiro do quarto. Ela não reagia, e... é só o que sei.
As lágrimas voltaram, e dessa vez, em maior quantidade.
Justin: Ela vai ficar bem?
Percebi o Liam se sentir desconfortável com aquela pergunta, o que me fez chorar ainda mais.
Liam: Eu não sei Justin.
Não demorou muito e logo chegamos ao hospital, não era de excelente qualidade mas, naquele momento, não tínhamos escolha. Desci e entramos, Liam e eu andamos pelos corredores até encontrar a Katherine, que ao me ver me abraçou, um abraço forte.
Justin: Como ela esta?
Katherine: Eu não sei, ela esta sendo atendida.
Justin: Como estava?
Katherine: No chão, com diversas embalagens de remédios ao seu dor e...
Ela foi interrompida pelo choro, Liam então a abraçou e eu me sentei. Não importava quantas coisas ruins acontecesse la fora, o que importava agora para mim era a minha garota, a minha Mary que estava la naquela sala, viva ou morta. Sim, ela tentou se matar, mas porquê? 
Katherine: Eu não sei se irei aguentar.
Justin: Para de falar assim, Katherine!
Alterei o tom da minha voz, eu estava nervoso, Liam ao perceber abraçou a Katherine com mais força e me deixou sozinho, sentado em um banco de um hospital de quinta. Mas logo ele voltou.
Justin: Onde esta a Katherine?
Liam: Esta sendo acalmada por algumas enfermeiras, se ela continuar assim, ela quem vai precisar de atendimentos.
Justin: Não queria ser grosso com ela...
Liam: Você só esta nervoso, é normal isso.
Liam e eu paramos a conversa quando vimos o hospital ser fechado e um barulho la fora, levantamos e fomos até la, e ver aquela cena foi o suficiente para querer parar o mundo e sair correndo pra um lugar sem vida humana. Os tais paparazzis haviam me encontrado.
Justin: Eu não acredito nisso.
Liam: Calma Justin, vamos esperar com a Katherine.
Ficamos lá por algum tempo e logo o doutor aparece, usando aquela roupa branca com luvas, hospitais me dão arrepios. Levantei na mesma hora, assim como Katherine.
Katherine: O que aconteceu doutor?
Doutor: Bom, a menina tomou um tipo de calmante e adormeceu, mas agora esta tudo bem com ela.
Katherine: Ai meu Deus, obrigada.
Katherine agradecia e abraçava forte o Liam, eu senti um alivio imenso, era como se grandes toneladas haviam escorregado de meu corpo e caindo em outro lugar.
Doutor: Mas o caso foi serio, se ela tomasse o remédio em maior quantidade tudo iria parar definitivamente, creio eu que isso seria uma forma de suicídio, sorte que só foram alguns comprimidos. 
Katherine: Suicídio? Que horror...
 Doutor: Bom, ela ainda esta dormindo mas um de vocês pode vê-la.
Eu não pensei em nada, apenas dei um passo a frente até ser parado pelo Liam que novamente segurava meu ombro.
Liam: Acho que a Katherine tem essa prioridade, certo?
Justin: Que? Claro mas, eu também tenho! Por favor, me deixem a ver! 
Liam: Justin, não.
Justin: Mas, por favor, eu preciso vê-la. -Senti as lagrimas eu meus olhos novamente
Doutor: O rapaz parece se importar muito com ela, eu farei uma exerção, poderá ir duas pessoas... mas ,só duas.
Seguimos o doutor ate a sala onde estava a Mary, ao entrar, a Katherine vai até a cama onde ela se encontrava deitada. Eu fico paralisado na entrada, admirando ela de longe, com os olhos fechados e tão pálida, mesmo assim tão linda.
Doutor: Ela precisa descansar, não façam muito barulho.
O doutor se retirou e ficamos ali olhando para a Mary, eu me aproximei da cama e fixei meus olhos sobre ela.
Katherine: Ela é linda não é mesmo? É a cara da mamãe...
Justin: Ela é a garota mais linda que já vi.
Katherine: Eu só não entendo porquê ela fez isso, e se esse foi mesmo um ato de suicídio?
Justin: Se foi não sei, mas temos que agradecer por nada ter acontecido.
A Katherine alisava os cabelos dela, e ficou assim por um tempo, até me ver encarando elas.
Katherine: Você gosta muito dela não é mesmo?
Justin: Muito...
Katherine: Só percebi isso agora, ao ver seus olhos inchados de tanto chorar... sabe, ela também gosta muito de você.
Sorri meio sem jeito, a Katherine volta sua atenção para a Mary mas logo se levanta.
Katherine: Bom, acho melhor vocês ficarem um pouco a sós. -Disse saindo do quarto.
Eu me aproximei mas da cama e me ajoelhei ao lado da Mary, para poder ve-la melhor. Ela estava ali, com os olhos fechados, linda como sempre foi.
Justin: Mary, minha garota... Sabe, esses dias que eu estive longe de você, foram os piores dias da minha vida. -Disse em um desabafo. - Eu não sei o que se passou na sua vida quando eu estava longe, mas eu torcia sempre para que você sentisse minha falta, mesmo que só um pouquinho... eu achava injusto eu sentir por dois.
Nem mesmo eu sabia o porquê daquelas palavras, palavras meio gaguejadas pelo choro que estava preso na garganta, mas que logo iria sair. E mesmo sabendo que ela poderia não estar me ouvindo, eu continuei.
Justin: Mas foi  bom passar tantos dias longe de você, sentindo sua falta... Descobri o lado bom da saudade, é que ela nos permite enxergar o quanto aquela pessoa é importante para nós. Eu senti muita falta sua. -As lágrimas já rolavam pelo meu rosto. -E não ta sendo fácil para mim aceitar te perder um dia, por tanto, não acelere as coisa.
Falei aquilo como uma bronca, mas na verdade era medo, por somente pensar que ela me deixaria nesse mundo sozinho, e pior, por vontade própria. Mesmo eu sabendo que sim, poderia ter acontecido tal atitude, eu preferia pensar que tudo isso fosse apenas um mal entendido, um descuido.
Justin: Por que eu estou sendo tão malvado com você? Foi eu que te deixei, eu não cumpri com a minha promessa... Me desculpa.
Eu segurei a mão dela apoiando a minha testa sobre, eu estava arrependido, completamente arrependido. Eu não poderia deixa-la, mas ela me expulsou... eu queria ter ficado. Em meio a tantos pensamentos negativos, sinto um leve aperto em minha mão, levanto o olhar e vejo Mary abrindo os olhos. Fiquei sem reação, apenas esperando algo para provar que aquilo estava acontecendo.
Mary: Justin? -Ela disse com a voz fraca e baixa.
Continua...

4 comentários:

  1. amora entendo oq vc falou!
    mais a mídia tbm fode muito a imagem do justin!
    tudo oque ele faz eles mudam pra criar ibope.
    erra é humano (eu sei que todas nos beliebers estamos falando isso) agora,mais poxa,ele não é perfeito. mais enfim eu entendo completamente!
    mais espero que vc não deixe de ser belieber :\
    AAAAAAAAAI JESUS! AMEI!!!!! <3
    SÉRIÃO!!!!
    to vivendo essa fic! ta demais amora sério como sempre! fiquei infartando pq vc demorou u.u rum!!!!!
    amei amei!!!! UHUU ELA ACORDOU!!!
    continue logo please! I NEED!!! beijos amorita lhe amo! bye

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico feliz por me entender (verdade mesmo, eu já espera as pedras com um escudo nas mãos hahah' u-u) mas enfim, eu não estou dizendo que deixei de gostar do Justin (e sei que ele não é perfeito e tals e que a mídia é traiçoeira) mas eu não sei, só não é a mesma coisa mais. (não posso me enganar) :/
      Maaaaaaaaaaaas, obrigado por comentar e deixar sua opinião, é bom saber que gostou do cap ^^ demorei sim, desculpa :( haha' mas sabe como é né, e siim, ela acordou! \o/ kkk u-u'
      Ok, pode deixar, beijão minha divaa <3

      Excluir
  2. EU VOLTEEIIIIIIIIIII :)))
    Desculpa ficar um tempo sem entrar aqui :/
    Você é louca??? Como para uma IB assim???? kkkkk
    Está muuuuuuuito perfeito *--*

    CONTINUAAAAAAAAAAAAAAAA

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OBAAAAAA!! \O/
      Ok, dessa vez passa dona Bela u.u kk' sou malucona meu bem (essa frase é de um filme, ai que emoção kk u-u') que boooom que você gostou, continuarei sim, muito obrigadaaa <33

      Excluir

Olá, marujo! Agradeço desde já pelo seu comentário, é muito legal saber o que acham das postagens. Não se esqueça de deixar o link do seu blog para que eu possa retribuir o comentário.