09 setembro 2013

Fanfic - The One That Got Away


Hey mesninas, não demorei tanto dessa vez não é mesmo? Enfim, clique em leia mais para ler a fic, espero que gostem ^-^




The One That Got Away (Talvez, deveria ser mesmo assim)

No dia seguinte acordei e fui para a cozinha, e encontrei a Katherine estudando (como sempre) só que dessa vez, ela estava estudando para algo importante onde ela poderia trabalhar e começar uma nova vida, o Justin havia lhe ajudado assim como prometido, sorri e me sentei.
Katherine: Ta com fome? Olha aí tem pão, leite fresquinho e bolo.
Mary: Não estou com fome, obrigada.
Fiquei quieta brincando com a xícara em cima da mesa, estava meio triste por não ter meu amigo e nem o Justin por perto, mas lembrei que possuo outros companheiros. Me levantei e pequei minha bolsa, indo em direção a porta.
Katherine: Onde você vai?
Mary: Não sei que horas vou voltar.
Katherine: Mas eu perguntei on...
Fechei a porta, sei que não é e nunca será o correto, mas sou eu. Fui para pista de skate e lá encontrei o Manteiga e o Margarina.
Margarina: Olha só quem ta aquiiii!! \o/
Mary: Oi, sentiram minha falta?
Manteiga: Nada aqui é igual sem você Mary, sabe disso.
Manteiga: Quer? -Oferece um cigarro para mim.
Mary: Não. -Recuso também com a cabeça.
Manteiga: Hum... Cadê o riquinho lá?
Mary: Em algum lugar nesse mundo. -Me sentei com eles.
Manteiga: Serio?
Mary: Bom... Eu espero.
Margarina: Ele parece ser legal mas, acho que vocês são de galaxias diferentes.


Mary: Se pudesse, até de universos. -Murmurei.
Ele coloca o cigarro na boca e em seguida libera aquela fumaça, e volta a olhar para mim.
Manteiga: Quer uma palavra de amigo?
Mary: Diz.
Manteiga: Sempre achei que o Oliver fosse o cara certo para você, esse Justin parece ser muito nhe-nhe-nhem.
Mary: O Justin não é assim, ta legal?
Manteiga: Mary, esse cara deve ta do outro lado do mundo.
Mary: Cala boca, Manteiga...
Manteiga: Eu não acredito que você desistiu do Oliver por ele, serio. Esse garoto mora em uma mansão, tem carros, fama! Você é uma garota totalmente diferente, e deixou quem mais te amou ir embora.
Mary: Para Manteiga! Para!
Margarina: Calma aí Manteiga, pega leve com a garota.
Mary: Esquece, eu vim até aqui ver vocês mas, parece que não foi uma boa ideia.
Me levantei para ir embora, mas o Margarina segurou meu braço.
Margarina: Não liga Mary, ele só esta zangado.
Olhei seria para o Manteiga, sei que ele e o Oliver são muito amigos mas isso não é desculpa por me fazer sentir culpada.
Manteiga: Deixa ela ir, ela ta caidinha por aquele lá.
Mary: E se eu estiver? Eu gosto muito do Justin, e o Oliver foi apenas um bom amigo. Eu nunca gostei dele pra valer, é do Justin que eu gosto.
XxXx: Serio Mary?
Eu conhecia aquela voz, meu corpo estremeceu e meu coração havia congelado, falei sem pensar e acabei falando o que realmente pensava, olho para trás e lá estava ele.

Mary: Oliver?

~Justin On~
~Mary Off~

Quando finalmente pude me sentar depois de tanto trabalhar, pensei no que a Mary queria me falar. Não sei porque mas, algo me dizia que eu ficaria muito feliz ao saber, estava tão ansioso que chegava a me pegar imaginando. E nesse momento meu amigo Ryan chega.
Ryan: Cara te procurei por toda a casa, onde você tava?
Justin: Aqui.
Ryan: Que cara é essa?
Justin: A Mary, não paro de pensar na nossa conversa ontem.
Ryan: Que Mary, aquela Mary? Aquela da festa maluca que você me disse?
Justin: É!
Ryan: Aquela que quase te matou com tanta bebida? Justin, eu já te falei o que eu penso sobre essa garota.
Justin: Eu me lembro, por isso mesmo não te escultei. Cara, eu gosto dela, é mais forte que eu.
Ryan: Vocês não tem nada haver.
Fiquei de cabeça baixa pensando sobre aquilo, e olhei para o Ryan serio.
Justin: Você não sabe o que fala, você não conhece ela. Ela não se importa com a minha roupa, ou as palavras feias que as vezes falo, ela ama meu cabelo quando esta bagunçado e até ri das minhas piadas sem graça, e a risada dela é contagiante. Ela não é o que eu quero que ela seja, ela é ela, e ela que eu quero, talvez seja isso por isso que tanto a amo. Eu a amo. Não posso ficar mais um minuto aqui.
Pego minhas coisas e coloco na mochila, e Ryan insiste em me questionar.
Ryan: O que você ta fazendo? Pra onde pensa que vai?
Justin: Encontrar a minha garota.
Na tentativa de sair dali ele agarra meu braço, por mais que me irritasse compreendia que estava apenas preocupado comigo.
Ryan: Mas e ela Justin, ela te ama?
Parei ao pensar, mas logo sorri.
Justin: É isso que vou descobrir.
Claro, recebi muita reclamação por sai assim sem mais nem menos dos meu planos de negócios, mas era preciso. Nem tanto pela curiosidade que ainda andava comigo, sobre o que a Mary queria me dizer e logo mudou de ideia, mas sim pela saudade que sentia por ela.

~Mary On~
~Justin Of~

Mary: Oliver, eu não sabia que já havia voltado.
Oliver: Claro que não, eu não te contei. Mas parece que não foi uma boa ideia, afinal, eu não fazia falta a quem tanto tinha saudades.
Mary: Eu não falei isso. -Disse eu meio gaga.
Oliver: Verdade, disse pior. Eu posso duvidar de muitas coisas e de muitas pessoas mas, eu não duvidava do que você sentia por mim.
Mary: Oliver, o que você quer dizer com isso? Acabou não acabou?
Oliver: Não para mim, mesmo quando eu te vi com aquele babaca. Mas isso não importa mais.
O Oliver disse aquilo com lágrimas nos olhos, uma cena que nunca imaginaria presenciar, ele, logo ele chorar por algo assim. É nesse momento que meu coração se aperta, como eu poderia imaginar que ele ainda sentia algo por mim? Depois de ter até me ajudado a encontrar o Justin, eu não entendia mesmo.
Manteiga: Satisfeita agora Mary? -Diz ele se levantando indo com o Oliver.
Fiquei intacta no mesmo lugar, meus pés pareciam está pregados ali, e meus olhos não tinham uma direção certa.
Margarina: Calma, Mary. Não fique assim.
Mary: Claro, como eu nunca percebi isso Margarina? O Oliver sempre tentava de alguma forma me proteger e me escultar, se ele escolhesse nós nunca teríamos nos separado.
Margarina: Mas o motivo da separação foi claro, sua irmã não iria aceitar, vocês eram de mundos diferentes.
Mary: E desde quando eu e o Justin fazemos parte do mesmo mundo, me diz? Só não entendo porque ele me ajudou quando queria encontrar o Justin.
Margarina: O Oliver ama você Mary, e ele percebeu que era o Justin quem te fazia feliz, então...
Respirei fundo com os olhos fechados e logo mirei o chão.
Mary: Estou me sentindo um lixo. -Falei com voz baixa.
Margarina: Não fica assim, esfria a cabeça, vai ficar tudo bem com ele.
Andei um pouco e me encontrava perdida em meus próprios pensamentos. Era torturante saber que magoei quem tanto me amava, pior ainda era não saber o que fazer quando novamente encontrar o Justin. Saber que o Oliver ainda gostava de mim não mudava meus sentimentos pelo Justin, mas sentia uma culpa tremenda por não o valorizar, e aquelas palavras que o Manteiga havia me dito... Estava completamente atordoada. Então com passos lentos, fui para casa, e no meu quarto me tranquei. Não dei explicação a Katherine apenas me isolei, não sabia o que fazer.

Passo a noite em claro, e logo pela manhã recebo uma telefonema do Justin. Fico meio sem jeito e olho fixamente para o celular, mas atendo.
Mary: Oi?
Justin: Mary? Oi, eu tenho uma boa noticia, eu já cheguei e quero muito te ver hoje. Podemos nos encontrar agora?
Não estava pronta para vê-lo novamente, não imaginava como seria sabendo que isso machucaria meu amigo.
Mary: Ah não vai dar, eu tenho muita coisa pra fazer.
Justin: Hum... Então a noite? Por favor.
Mary: Ta, a noite então.
Justin: Tchau, estou morrendo de saudade sua.
Mary: Tchau.
Desliguei. Joguei minha cabeça para trás e respirei fundo, é inimaginável a dor que eu estava sentindo, olhei para tv que estava ligada e estava passando um daqueles programas de fofoca. Falando sobre as musicas do Justin, foi nesse momento que vi as fãs, os shows e toda aquela gente se matando por uma foto dele. Não tinha sentido um garoto com ele ficar com alguém como eu. Decidi tomar atitude. Indo procurar o Oliver. O encontrei sentado admirando o chão, parecia que estava a minha espera, sentei ao seu lado.
Mary: Oi.
Oliver: Oi.
Ficamos em silencio por um tempo, mas fui logo ao objetivo.
Mary: Oliver, eu sei que você deve esta com raiva de mim mas, eu sempre gostei de você, nunca te esqueci. Mas eu não posso enganar a mim mesma.
Oliver: Eu entendo Mary, só é difícil aceitar que te perdi, pra ele.
Mary: Você não me perdeu! Afinal, não consigo imaginar o meu futuro com o Justin.
Oliver: Você não gosta dele? -Pergunta confuso.
Mary: Eu o amo!
Ele fica meio sem jeito ao ouvir minha resposta e me calo, e logo continuo.
Mary: Mas não daria certo, ele e eu vive em mundos diferentes.
Oliver: E o que você vai fazer?
Mary: O mesmo que você, vou deixa-lo ir. Eu sei que ele sera bem feliz sem mim em seu caminho. -Meus olhos se preenchem de lágrimas, porem, não caíram. - Vai ser difícil mas, talvez, deveria ser mesmo assim.
Ele sorri e se levanta, saindo dali. Passa um tempo e me retiro também, voltando para minha casa. Logo cai a noite e não queria ouvir ele me chamar, mas era impossível, ele já estava a minha espera do lado de fora. Quando apareço na porta percebo o sorriso estampado em seu rosto, ele vem sem demora e me abraça forte, fecho os olhos nesse momento querendo apenas sentir seu cheiro. Mas ao tentar me beijar eu desvio, e aquele sorriso se desfaz.
Justin: O que foi?
Mary: Nada.
Justin: Hum... Então, ainda quero saber o que tanto queria me falar, vim antes do combinado só por isso.
Mary: Ha Justin... Não era nada. -Não sabia o que fazer
Justin: Não, você quer me dizer algo e eu quero saber. Você mesmo disse que, quando eu chegasse iria me falar, bom, eu estou aqui. -Sorriu novamente
Olhava para os lados, não conseguia o encarar, mas era preciso dá um basta nisso tudo.
Mary: Acabou. -Falei em um tom firme.
O sorriso dele permaneceu, só que meio confuso.
Justin: Como assim?
Mary: Eu quero que você vá embora. -Sente um peso sobre mim naquele momento. -E que não volte.
Justin: Ham? -Ele ri meio sem graça e logo fica serio. -Não estou entendendo.
Mary: Ah Justin o que é tão difícil de entender? Eu me cansei de você, eu não quero mais ver você, eu não suporto mais você! É isso! Entendeu agora?
Fui muito grossa com ele, mas aquilo estava me destruindo por dentro e tudo o que eu mais queria era que acabasse logo, para finalmente poder chorar. O Justin fica mudo, e sinto algo explodindo dentro de mim, mas precisava manter minha pose de durona que não se importa com nada. 
Justin: Mary, por que esta falando isso?
Aquela pergunta foi o suficiente para meus olhos se encherem de lagrimas, pois ele se recusava a acreditar no que estava acontecendo.
Mary: Eu, eu não gosto mais de você, é isso.


Justin: Como não? Você mesmo disse que sentia algo muito forte por mim. Não pode ter acabado tudo assim do nada, pra onde foi todo aquele nosso sentimento?
Fiz apenas um gesto, que sabia que iria acabar com ele, e isso doía mais em mim.


Mary: Talvez... Ele nunca tenha existo.
Aquilo foi o suficiente para acabar com todos aqueles outros sorrisos.
Justin: Então é assim. -Ele falou serio tentando evitar que a voz tremula de choro aparecesse. -Você vai simplesmente jogar tudo fora! Deve ter algum motivo pra isso acontecer.
Mary: Eu estou com o Oliver agora.
Menti, e foi uma mentira suja, mas eu queria que o Justin esquecesse de mim o mais rápido possível, seria o melhor para ele.
Justin: O Oliver?
Mary: Sim, eu gosto muito dele, eu acho até que... Amo ele, sabe? É isso, desculpa Justin.
Justin: Você ama ele né? -Ele fica serio olhando para o chão e logo confirma algo com a cabeça. -Okay, se cuida então.
Ele se vira e simplesmente sai, e acho que nunca senti dor pior que essa. Eu me encontrava ali, parada, vendo o cara mais legal da minha vida indo embora, aquele mesmo cara que sempre me ajudou e me fez sorrir diversas vezes. "O que que eu fiz?" Pensava eu naquele momento o vendo partir.


Era torturante sentir aquilo, mas eu sabia que, isso seria o melhor para ele. Vê-lo feliz é o que eu mais quero.

Continuaaaaaaa!! Uhuuuu!! Gente i'm sorry, esse cap foi triste né? :(( Mas enfim, espero que tenham gostado. Beijo <3

4 comentários:

  1. Gostei. Mas me senti mal pelo Justin... Não queria vê-lo sair com o coração partido :|
    Gostei, beijos, http://floresebatons.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Awwwn *---------* mas pera, tu é belieber? .-.
      kkk' Enfim, que bom que você gostou ^-^ Pois é, triste mesmo :((
      Beijo linda <333

      Excluir
  2. MANO VOU DAR UM VOADORA NA MARY!!!!!!!! :@ AAAAAAARGH NO CREIO QUE ELA FEZ ISSO COM O BIEBER.POW...QUE APANHAR?
    MEU NENÉM FICOU TRISTE RRRRRRRRRRRRUMMMMMMMMMM :@
    oliver...olha eu sei que é amigo da mary e tal mais POXA CARA..entende ela te ama com amigo/irmão NÃO COMO ELA AMA O JUSTIN
    porra...ele saiu de longe todo feliz pra quando chegar vc FAZER ISSO MARY???
    AAAAAAAAAAAAAH MAIS EU VOU TE BATER! rum :@
    AMORA...como sempre humilhando e escrevendo divinamente bem!
    vc seba que é diva então..eu chorei com esse cap! foi triste,porém divo/maravilhoso/perfeito..enfim!
    CONTINUE LOGO AMORITA!
    LHE AAAAAAAAAAAAAAAAAAAMO!!!
    AMEI O LAY DO BLOG,TA DEMAIS! amei tudo *-------------*
    please continue...ah amora,eu coloquei a tutorial que vc fez aqui no meu blog, -na html- porém eu não sei como funciona,tipo,tem que apertar algo pra o efeito pegar? pq eu já coloquei no blog e não vi se pegou e tal! enfim!
    byyyyyyyyyyyyye minha amorita linda! bjs <3 fcd

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAHHH!!! *-----------------* Minha divonica que amooo \o/ Né?? :((( Nooossa, nem em sonhos, só você humilha aqui ta legal? Escreve muito bem *-* Owwwwwwwnt *0* serio, que bom que você gostou ^-^ Vou continuar sim, pode deixar :DD Gostou do lay? Foi eu que fiz u-u kk' Ah sobre o tutorial lá, para ele "funcionar" você deve fazer tudo normal ué, tipo, por em negrito (sem por uma cor por cima) e tals, assim não sei explicar bem, qualquer coisa me avisa que depois te explico melhor ^-^
      Beijooooooooooo minha liiiinda <333

      Excluir

Olá, marujo! Agradeço desde já pelo seu comentário, é muito legal saber o que acham das postagens. Não se esqueça de deixar o link do seu blog para que eu possa retribuir o comentário.